quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

      BOA NOITE A TODOS!

         Ontem, ouvi diversas opiniões sobre a felicidade.
Alguns a definiam como inexistente, acreditando que vivemos apenas momentos felizes.
 Tenho por mim, uma opinião formada: acredito plenamente que, a felicidade é um pequeno rio de águas perenes, dentro de cada um de nós.
Já a alegria é advinda da brisa suave de suas águas.
Por motivos diversos, ou por nossas fraquezas humanas, esta brisa pode ser bloqueada temporariamente, apagando-nos o sorriso.
Este rio de Graças, nasce em nossa alma, se instalando em nossos corações.
     Se a minha alegria for abalada, faço uma viagem interior, busco as águas, sacio a minha sede, degusto os bons sentimentos, que do rio provê.
      A felicidade é algo tão simples que, pela Sua bondade, Deus nos concedeu.
      Vá, divida estas águas com quem ainda tem sede, não as deixem estagnar-se. Só assim, o rio continuará em renovação das suas claras graças!
A felicidade é um bem permanente, que provem da fé. A alegria é um estado de espírito que deve ser trabalhado.
    Perdoe-me a minha humilde opinião! Isto é a maneira que eu a vejo!


Tonho Tavares...