quarta-feira, 14 de setembro de 2016

      = POR FALAR EM AMOR =

Devo falar de amor...
O desamor invade e violenta este mundo de meu Deus.
Amor não é utopia
É o lado puro da alma resplandecida de paz.
O amor pleno, não se limita a coisas e pessoa
Não faz concepção ou escolhas
Não castra, nem reprime
“Ele” é livre, tão livre quanto ao vento.

O amor é o caminho iluminado que nos conduz a paz.
Queria eu, filtrar minha alma
Despoluir a áurea que o tempo contaminou.

Deus, quando o homem criou
Depositou em seu ser
Um pouquinho da sua própria essência.
Contudo, nos deu um livre arbítrio, com tal liberdade
Que por ser e ser, ser humano
Outros sentimentos menores viemos a conceber.
Aprendeu a “amar” com posse
Escravizar, mutilar, matar...
Viver a busca de valores ilusórios, podem nos levar ao eterno vazio.

Ser feliz é crer no amor...
...é ultrapassa a barreira do seu eu
fazendo-se parte integrante de um todo.

Quero falar de amor
Amor meu
Amor seu
Amor nosso
Amor de Deus.
“O amor é o vinco da perfeição”

Tonho Tavares.