domingo, 22 de maio de 2016

Boa tarde a todos!

= EU QUERIA =

Hoje eu queria um anoitecer
Não como tantos outros.
Anoitecer com esperanças de juras eternas
Com sabor de paixão.
Sentir na pele, a maciez da felicidade.
Viver cada minuto de espera
Com a sensação de um século ter passado.
Entrar e sair mil vezes, enquanto lhe espero.
Mãos frias e suada, voz tremula, insegura
Com medo que, como tantas outras noites, você não venha.
Eu com minha melhor roupa
Perfumado, bem barbeado
E receoso de não lhe agradar.
Escolher com gosto, o sapato.
Cabelos grisalhos, não muito alinhado
Tudo isso para lhe impressiona.
Um botão de rosa vermelha, sobre a mesa
Com se o acaso tivesse esquecida.
Uma lindo forro de mesa, bordado com as cores do seu sonho.
No canto da sala, um piano e um violino
Dois músicos, trazendo em suas partituras
Boleros e valsas.
Você chega com graça
Vestida como uma princesa, ou rainha.
Linda! Usando perfume tão suave, com a brisa da manhã.
Vou ao seu encontro
Damos as mãos, ao som da pequena orquestra, dançamos de rosto colado.
Ao final da música, parados, olhos nos olhos, lábios trêmulos e sedentos
Segue-se um longo e interminável beijo.
O resto da noite não posso lhes contar
Será para nós um segredo
Só quem sonha pode adivinhar.

Tonho Tavares