sábado, 10 de outubro de 2015


= QUEIRA-ME =

Por favor... queira-me...
Se quiser...
Serei a brisa fresca 
que acariciará tua alma flamejante.
Buscarei pra ti, os mais lindos raios de luar.
Colherei as estrelas
farei delas um tapete
que por magia do amor
a conduzira ao cume da paixão.

Se for do teu querer...
serei a água pequena
que desce pelas matas
tão límpida e refrescante
que saciará a tua sede.

Se ainda me quiseres...
Dar-te-ei  a rosa vermelha gotejada
das manhas de maio.
Serei o vento macio 
que sopra teu corpo suado
ondulando os teus lindos cabelos.

Darei a ti
os derradeiros beijos 
que a despertará
nas madrugadas de amor
enlouquecido.

Se não quiser...
Perderei todos os meus encantos
recolher-me-ei em meu canto
donde ouvirei
o lindo cantar do trovador
no mais profundo do seu abandono.

Tonho Tavares