quarta-feira, 19 de agosto de 2015


  = Quero poesias =

Quero poesias
Que gotejem pelos poros,
Que falem de mim,
De ti,
E de tantos e tantos por aí.

Poesias por todo o corpo!
Que partem dos olhos,
Entranham na carne
Roubando a alma.

Versos que cultivam flores,
Que resgatam as estrelas,
A lua,
Adormecidas, no fundo do lago.

Poesias, 
Que reencontrem a magia
Dos abraços, beijos e carícias,
De quem se foi pra nunca mais voltar.
Surpreendendo
Volta, jurando nunca mais
Partir e para sempre me amar.

Tonho Tavares.