quinta-feira, 31 de outubro de 2013

       = SENHOR DOS SONHOS MEUS =

Não quero dormir 
para não acordar dos meus sonhos
Ali, você é a minha rainha.
Em meu devaneio
acordei-a com um beijo.
Como Peter Pan, voamos de mãos dadas
Fomos em busca das melhores emoções.
Fomos ao cinema
Tomamos sorvete
Andamos de mão dadas pelos jardins
Beijamos ao som dos seresteiros
Ouvimos o poeta que recitava seus versos apaixonados
Assistimos, no teatro, uma maravilhosa peça.
Dançamos de rossto colado. 
Seu rosto lindo, sorria feliz como criança.
Meus olhos assistiam você.
Bebia, com os meus beijos, cada sorriso seu.
Voltamos para o nosso abrigo
Quantos beijos, quantos abraços.
Dormir pra quê...
Se podemos (acordado) protagonizar as nossa história de amor.

Tonhotavares